Casa do Arco

(Soares, 2020)

A denominada “Casa do Arco”, possuía, no passado, uma capela e tinha, também, um nicho com a imagem de Nossa Senhora da Piedade, datada do século XVII. Esta imagem, em conjunto com este solar, dava harmonia ao seu todo. Contudo, a última proprietária deste solar, possivelmente por motivos financeiros, vendeu a imagem da Santa a um antiquário/colecionador. Com este acontecimento, a família entrou em desespero e nunca mais foi a mesma. A casa começou, lentamente, a entrar num processo de degradação (J. Craveiro, comunicação pessoal, 22 de setembro de 2020).

Texto escrito por João Pedro R. Soares, baseado em José Craveiro.

Botão Voltar ao Topo